segunda-feira, 8 de janeiro de 2007

A Negociação

Até onde me consta, sempre estou em negociação: O que meu corpo quer/ O que a sociedade pensa/ O que eu acho correto.

Os três vencem, os três perdem. Qual deles mais o faz, é uma dúvida precisa que gostaria de dirimir. Gostaria, mesmo.
Também não acharia ruim se um deles perdesse de larga monta. Não sei se é isto que acontece, porém. E não é só comigo, ao que parece.

Esta última frase, pseudo-justificativa, magoa, pois, acaba por me enquadrar, mais uma vez, num espectro da negociação que não me atrai. Bah.

Um comentário:

Versão Isa disse...

clap...muito bom mesmo.....